Carteira administrada: conheça um dos melhores investimentos

Também conhecida como portfólio de investimentos, a carteira administrada é um serviço prestado por profissionais das áreas de investimentos. Obrigatoriamente, esses profissionais estão registrados na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Além disso, muitos deles trabalham em empresas especializadas neste assunto.

A lógica desse serviço é bem simples: o cliente contrata um profissional para administrar sua carteira de investimentos. Ou seja, ele vai delegar a tarefa de administrar seus investimentos para outra pessoa. Depois de contratado, o administrador da carteira cuidará das vendas e das aquisições dos ativos de investimento. Em resumo, ter uma carteira administrada é deixar um profissional tomar conta do seu dinheiro.

Modus operandi

Criar uma carteira administrada exige uma política de investimentos. Essa política é importante para que se definam as diretrizes daquele portfólio.

Após definir a sua política, o investidor determina quais são os riscos que ele aceita ou não correr por conta dos investimentos. Ademais, ele também escolhe qual será a porcentagem de alocações de acordo com cada grupo de ativos.

Por exemplo, se investidor daquela carteira administrada determina que 20% dela será direcionada para ações, o administrador da carteira tem que se adaptar àquele pedido.

É função do administrador ou da empresa verificar o desempenho das aplicações da carteira. Além disso, esse desempenho tem que ser comparado com os principais indicadores do mercado. Caso seja necessário, o profissional precisa tomar medidas para melhorar os ganhos do investidor naquela carteira.

Liquidez

Quando se fala em “liquidez de investimentos”, essa expressão se refere ao prazo de aplicação e ao resgate do que foi investido. Tanto o prazo quanto o resgate dependem dos ativos que fazem parte da carteira administrada.

Com isso, alguns investimentos da carteira administrada conseguem ser resgatados no mesmo dia em que foram pedidos (liquidez diária). Por sua vez, existem outros que levam mais tempo para cair na conta do cliente (entre dois e trinta dias). Por fim, existem aqueles investimentos que só podem ser resgatados na data em que a aplicação vencer.

Trabalho sem interesses

Uma das vantagens de contratar uma carteira administrada é não ser vítima do conflito de interesses. Esse conflito acontece quando um profissional fica divido entre fazer o melhor para o seu cliente ou prejudicá-lo para aumentar os próprios ganhos. Por exemplo, vender um produto de baixa qualidade por um preço maior do que ele vale só para lucrar mais.

Como a remuneração de uma carteira administrada é muito específica, não haverá conflito de interesses. O ganho do administrador vem de uma taxa cobrada em cima da carteira como um todo. Ou seja, mesmo que o investidor precise muito comprar ou vender alguma coisa, o administrador não ganhará nada com isso. Dessa forma, o profissional é obrigado a buscar o melhor desempenho possível para aquela carteira.

Investimentos racionais

Quando uma pessoa deixa um profissional cuidar de seus investimentos, o fator emoção estará eliminado daquelas aplicações. Com isso, a pessoa poderá focar no que ela realmente almeja, pois não fará investimentos por impulso. Essa racionalidade é importante, pois evita que a pessoa se apegue ao primeiro investimento que aparecer.

You Might Also Like